Advogado Familiar Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Para casais que estão em processo de divórcio, os próximos dias, meses e até mesmo anos podem ser emocional e fisicamente conturbados. Por isso a contratação de um advogado familiar seja a melhor opção, pois esse profissional será capaz de lhe prestar um serviço de qualidade, oferecendo-lhe tranqüilidade e orientação profissional.

Leal Marcas e Patentes
(51) 4100-1700
Rua Vladimir Telles, 19
Porto Alegre, Rio Grande do Sul
 
Advocacia Bellinati Perez S/c
(51) 3286-0166
r Gal Bento Martins, 24 Cj 501, Centro
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Advocacia Dossena
(51) 3217-6976
r Afonso Penna, 191, Azenha
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Bentz & Estácio Advocacia
(51) 3286-6828
r Celeste Gobbato, 150 Cj 401, Praia de Belas
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Advocacia Geral
(51) 3212-6754
r Dos Andradas, 1270 Cj 43, Centro
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Advocacia Salgado Martins
(51) 3325-2099
r Marq Do Pombal, 1619 Ap 101, Higienópolis
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Ahrends Advocacia S/c
(51) 3342-1771
r Marcelo Gama, 902, Sao João
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Auditoria Advocacia Carrardi Ltda
(51) 3226-9868
av Ipiranga, 702, Jardim Guanabara
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Bento e Schenini Advocacia
(51) 3381-7331
av Protásio Alves, 3033 Sl 302, Rio Branco
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Advocacia Dr Laury Koch
(51) 3222-3336
r Dr Timóteo, 777, Moinhos Vento
Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Advogado Familiar

~Diferenças entre um Advogado Familiar e um Advogado Geral^ O processo de separação pode ser bastante conturbado. Entretanto, há uma série de estudos e pesquisas voltados ao assunto, oferecendo uma abordagem legal para as pessoas que não são acostumadas com os termos. Esses estudos também apontam para os benefícios de se contratar um advogado familiar para cuidar de casos de divórcio ao invés de um advogado com especialização em outras áreas ou de atuação geral. O advogado que cuida de causas relacionadas à processos de separação, geralmente, trabalham apenas com indivíduos que estejam se divorciando. Um advogado com experiência na área familiar está familiarizado com o protocolo e os procedimentos que devem ser adotados em processos legais, incluindo todos os detalhes relativos à pensão alimentícia, suporte à criança e leis. O advogado especializado na vara familiar é capaz de lhe aconselhar de maneira mais adequada. Ele é, também, o profissional que irá certificar-se de que você obtenhas seus direitos, garantindo que o processo de divórcio seja o mais tranqüilo possível. ~Tribunal é Território para o Advogado Familiar^ Um divórcio deve ser certificado por lei perante um juiz da vara familiar. Essa é a ação legal que irá desfazer o casamente, garantindo que ambas as partes sejam declaradas oficialmente divorciadas. Durante o processo de separação, o juiz irá analisar os acordos pré-nupcial e pós-nupcial e, irá verificar se há a necessidade de processo litigioso. O litígio ocorre quando uma das partes não concorda com os termos do divórcio. Nesses casos, o advogado familiar será de extrema necessidade na condução do processo legal. Separação é um assunto comum, porém muito doloroso. Entretanto, quando não há mais alternativas para salvar um casamente, a separação é a decisão final de um casal. Indiferente das razões que levam um casal ou um indivíduo a decidir pelo divórcio, ambos os lados irá precisar do aconselhamento profissional de um advogado. ~Seu Advogado pode lhe Ajudar em Casos de Abuso^ Se você decidiu entrar com o pedido de divórcio devido à abuso doméstico, você deve considerar a contratação de um advogado o mais rápido possível. Mesmo que você seja a pessoa mais aconselhável na tomado de decisões, o advogado irá lhe ajudar no processo de comunicação com o seu parceiro. O advogando também será capaz de obter uma ordem de proteção imediatamente, garantindo sua segurança e evitando. Vítimas de abuso doméstico, geralmente, sentem-se fragilizadas e são mais suscetíveis em processos de divórcio. A decisão de dar um basta em uma relação abusiva e tornar a decisão legal é muito difícil e conturbada. Por isso, a ajuda de um advogada é indispensável. Esse será responsável por garantir seus direitos e cuidará da questões envolvendo a custódia das crianças, divisão de bens, suporte à criança e pensão. O advogado será seu representante perante o juiz. Um advogado familiar terá a experiência profissional para lhe ajudar e lhe guiar de maneira segura e tranqüila pelo processo de separação. Os advogados que trabalham com causas familiares estão acostumados com esse tipo de processo que envolvem abuso doméstico e podem lhe aconselhar de maneira adequada. ~O Advogado Familiar Poder Ajudar a Proteger seus Filhos^ A decisão pelo divórcio não é fácil para ninguém. Se você você decidiu-se se separar devido aos abusos de seu parceiro e devido à segurança de suas crianças, você não está sozinha. Mesmo sendo uma situação extremamente delicada, o advogado será capaz de lhe ajudar à proteger seus filhos. Um ambiente de violência, seja essa física ou verbal, não é um ambiente saudável para ninguém, especialmente crianças. Remover seus filhos desse tipo de situação é a melhor atitude que você pode tomar. A contratação de um advogado familiar é sua melhor arma. Isto irá lhe garantir a segurança necessária para continuar com o processo de divórcio. O advogado será responsável por assegurar que você não tenha nenhum tipo de contato com o seu esposo e irá solicitar proteção legal. Geralmente, em casos de abuso doméstico, o parceiro tende a evitar qualquer tipo de manifestação de violência durante o processo legal, já que isso pode agravar a situação dele. ~O Advogado Familiar Pode Aconselhar na Custódia das Crianças^ O envolvimento das crianças no processo de divórcio geralmente ocorre quando os dos lados brigam pela custódia ou por maiores direitos de visita. Por ser uma situação comum na rotina de advogados da área familiar, eles podem prover um bom suporte aos pais e guiar ambas as partes quanto aos detalhes de custódia e visitas. É muito comum que a comunicação entre as partes se torne difícil e delicada, principalmente no que se refere à custódia e ao suporte das crianças. Um bom advogado familiar irá prezar pelo bom relacionamento entre o casal, para que o processo de guarda e visita da criança seja conduzido de forma amigável. É de extrema importância, por exemplo, que o casal recém-divorciado saiba como lidar de maneira adequada em ocasiões como feriados e aniversário da criança. O advogado pode sugerir as soluções mais fáceis para todas as pessoas envolvidas nessa situação, contribuindo para que a separação seja o menos traumática possível para os filhos dos casais. Uma das dicas é planejar as datas comemorativas com antecedência, para que ambas as partes possam se programar. As leis que envolvem os direitos das crianças e adolescentes em processos de separação são bastante claras. Os advogados de ambas as partes podem ajudar o entendimento dessas leis e como o casal deve proceder para que a criança seja protegida durante o processo de divórcio. ~A Comunicação com o Seu Advogado^ Umas das reclamações mais comuns das pessoas em processo de divórcio é que seus advogados não retornam as ligações imediatamente. É compreensível que dúvidas e problemas em processos como estes são de extrema urgência e, seu advogado deve estar disponível para atender suas necessidades, evitando dessa maneira que haja falha ou falta de comunicação. Um bom profissional deve ter discernimento das necessidades de seus clientes, sabendo como atender e responder às ligações de maneira rápida e apropriada. Ao entrevistar seu advogado, veja o tempo que o mesmo leva para retornar suas ligações e lhe esclarecer dúvidas. Analise, também, o tempo e a atenção que o advogado dá ao seu caso durante a primeira consulta. Seu advogado não deve tratar seu caso de maneira rápida ou aceitar inúmeras interrupções enquanto conversa com você. Pergunte sobre a política do escritório no que se refere ao retorno de ligações e informações relevantes ao seu processo. É, também, importante durante a primeira consulta que o advogado lhe ofereça algum senso de direção durante a primeira consulta. Um bom profissional irá articular os primeiros passos e um plano de ação para o seu caso, baseado no seu relato sobre a situação. Porém, o ponto chave ao escolher o advogado que irá cuidar do processo de sua separação é sentir confiante e otimista com as primeiras coordenadas. É durante a primeira consulta que você terá uma noção da atuação e do trabalho desse profissional. Lembre-se que se você está passando por um divórcio e possui muitas dúvidas em relação ao seus direitos e como agir, procure por um profissional adequado. O advogado da área familiar terá papel essencial em seu caso, pois ele ou ela irá lhe guiar durante todo o processo de separação.