Aprenda os caminhos para a Liderança Barbacena, Minas Gerais

A liderança não é uma habilidade nata, nem privativa de uma minoria, ela pode ser aprendida, assimilada, aperfeiçoada, adaptada e incorporada ao "chefe".Aprenda neste artigo como encontrar os caminhos para tornar-se um grande líder.

Iprima Projetos Eletricos Ltda
(31) 3831-3047
Avenida France de Paula Andrade 553
Itabira, Minas Gerais
 
Abrao Alves de Oliveira Filho
(37) 3322-1198
Avenida Brasil 1200
Formiga, Minas Gerais
 
Telesul Telecomunicacoes Ltda
(35) 3551-7999
Rua Doutor Jeremias Zerbini 3
Guaxupé, Minas Gerais
 
Jadir Cassemiro Souza
(33) 3277-9662
Rua Lincoln Byrro 1792
Governador Valadares, Minas Gerais
 
Divino Jose da Silva
(37) 3241-3273
Rua Minas Gerais 145
Itaúna, Minas Gerais
 
Jose Pedro do Rego
(32) 3441-3291
Rua 27 de Abril 23
Leopoldina, Minas Gerais
 
Eletrica Pabro Ltda
(32) 3722-6040
Rua Vereador José Messias Soares 83
Muriaé, Minas Gerais
 
Virgilio Aparecido dos Reis
(35) 3712-7291
Rua Mdme Ceccato 95
Poços de Caldas, Minas Gerais
 
Beto Acessorios
(33) 3276-7825
Rua 13 de Maio 45
Governador Valadares, Minas Gerais
 
Mil Coisas
(31) 3447-7492
Rua Antônio José dos Santos 38 lj 4
Belo Horizonte, Minas Gerais
 

Aprenda os caminhos para a Liderança

A velocidade com que as informações circulam, impulsionada pelo processo da globalização, exige profissionais, que possam adaptar-se rapidamente as novas conjunturas econômicas e políticas. Esses profissionais precisam responder instantaneamente as novas questões que são impostas pelo mercado.

As empresas necessitam cada vez mais de "pessoas" que sejam capazes de agir dentro do mundo de instabilidade. O mercado consumidor cada vez mais exigente, vem exigindo das organizações, adaptações e respostas rápidas a nova sociedade moderna do conhecimento.

Pode-se afirmar que dentro deste contexto que a economia está baseada em conhecimento e conhecimento só vem de pessoas, outrossim, as organizações estão buscando cada vez mais a interação humana e enfatizando a importância do líder neste processo.

A liderança não é uma habilidade nata, nem privativa de uma minoria, ela pode ser aprendida, assimilada, aperfeiçoada, adaptada e incorporada ao "chefe".

Se a liderança é a habilidade de influenciar pessoas em busca dos objetivos comuns, os líderes precisam pensar como agentes de mudanças, saber interagir nas adversidades e instabilidades, se tornou um requisito fundamental para sua atuação. A questão não está somente em adquirir novos conceitos e habilidades, implica também em desaprender os antigos modelos.

Não existe uma fórmula única para se tornar um líder. Um líder moderno deve correr riscos ser audacioso, entretanto, deve ter um bom planejamento estratégico, visão de futuro, sem perder a visão do presente, e olhar o passado como referência. Para isso, necessitam de algumas características, virtudes, conhecimento, habilidade e competência. Algumas dessas, podem-se obter via cursos, universidades, treinamentos, outras somente com a experiência do cotidiano.

Ser entusiasmado consigo mesmo, com o trabalho e com a equipe sinérgica na obtenção de resultados, saber reconhecer e recompensar talentos, ter clareza nas metas perseguidas, perseverança, gentileza, carisma, honestidade, integridade e além de bom ouvinte, flexível, paciente, atencioso, observador, negociador, motivador, ... Deve ter entre outras, a inteligência emocional, que torna-se um diferencial significativo em ambientes competitivos.

Conclui-se que, dentro deste contexto, o líder deve conciliar os interesses da organização ao da equipe de trabalho objetivando um ambiente favorável ao desenvolvimento. Portanto, independente do seu próprio estilo, ser líder implica em saber exercer a liderança e essa se faz no dia a dia, junto a equipe de trabalho. Assim, saber conviver harmonicamente, tolerantemente buscando o equilíbrio torna-se um dos primeiros passos para trilhar "nos caminhos da liderança".

Fonte:

BERGAMINI, C.W. Liderança: administração do sentido. São Paulo: Atlas, 1994.

BORGES, A. F.; Liderança em tempo de mudanças. 2007 (Monografia) MBA em Gestão de Pessoas, Universidade Severino Sombra, Vassouras/RJ.

CAVALCANTI, Vera Lucia; CARPILOVSKY, Marcelo; LUND, Myrian; LAGO Regina Arczynska. Liderança e motivação. Série Gestão de Pessoas. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2005.

CHIAVENATO, Idalberto. Gerenciando com as pessoas: transformando o executivo em um excelente gestor de pessoas. Rio de Janeiro: Elsevier - Ed. Campus, 2005.

___________. Gestão de pessoas: e o novo papel dos recursos humanos nas organizações. Rio de Janeiro: Elsevier - Ed. Campus, 2004.

LEVEK, Andréa Regina H. Cunha; MALSCHITZKY Nancy. Liderança. In: Gestão do capital humano. Coleção Gestão Empresarial. Curitiba - PR: AFESBJ, FAE, Business School, Gazeta do Povo, 2002, pág. 33-46.

ROCHA, Eduardo Peixoto; SALLES, José Antonio Arantes. Competências e a gestão de pessoas. REACRE - Revista Administração CREUPI. Esp. Sto. Do Pinhal, SP. v. 05, n.º 09, jan./dez. 2005, pág. 35-43.

VERGARA, S. C. Gestão de pessoas. 3ª ed. São Paulo: Ed. Atlas, 2003.

Sobre o Autor
Possui graduação em Pedagogia (1999), Especialização Lato Sensu em Psicopedagogia (2001) e MBA em Gestão de Pessoas (2007) pela Universidade Severino Sombra. Atua na Universidade Severino Sombra como Gerente de Projetos na Coordenadoria de Pós-Graduação "Lato Sensu", Chefe da Secretaria Geral de Pesquisa e Pós-Graduação prestando atendimento a Pró-Reitoria e assessoria em proposta de Cursos novos de Mestrado no aplicativo APCN e acompanhamento no relatório Anual Coleta CAPES. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Administração de Projetos Educacionais, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino superior, pós-graduação - "lato e stricto sensu", pesquisa, gestão de pessoas, processo organização e controle de sistema acadêmico.

Artigos.com