Colocando os funcionários nas funções certas Barbacena, Minas Gerais

O quanto custa colocar uma pessoa sem perfil adequado em uma posição de trabalho? O erro na escolha e na contratação sai muito mais caro do se imagina. Aprenda mais no artigo abaixo.

Banco Santander Banespa S/A
(34) 3231-5111
av Afonso Pena, 525, Centro
Uberlandia, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Consiga Empréstimo e Cobrança
(31) 3392-1988
r Alemanha, 403 sl 105, Glória
Contagem, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Banco Credit Lyonais Brasil S/A
(31) 3264-0944
av Contorno, 5926, Funcionários
Belo Horizonte, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Beta Consultoria e Assessoria Financeira Ltda
(31) 3352-1420
av Londres, 453, Novo Eldorado
Contagem, Minas Gerais

Dados Divulgados por
C & G Crédito Pessoal
(32) 3217-0530
Glr Gal Roberto Neves, 30 sl 210 Centro
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Casa do Militar
(32) 3215-3382
av Br Rio Branco, 2001 Sl 1707 Centro
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Mil Crédito
32 91949488 - 32118706
Rua Marechal Deodoro Nr 485 - 303 - Garden Shopping
Juiz de Fora, Minas Gerais
 
Kapital do Crédito
(35) 3622-2909
Av: São Vicente de Paulo, 225
Itajubá, Minas Gerais
 
Tri Banco
(34) 3218-1400
av Cesário Alvim, 2209, S Terezinha
Uberlandia, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Banco ABN Amro Real S/A
(80) 0770-2001
av Afonso Pena, 2497, Aparecida
Uberlandia, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Colocando os funcionários nas funções certas

COLOCANDO AS PESSOAS CERTAS NO LUGAR CERTO

Edson Rodriguez

“Pessoas são contratadas por suas habilidades técnicas, sua aparência, sua experiência prévia ou por seu nível cultural. Essas mesmas pessoas são demitidas por suas falhas comportamentais ou por não se adaptarem ao ambiente de trabalho. O custo ou o investimento perdido nelas é no mínimo três vezes maior do que a contabilidade formal registra.

O pior, entretanto, é quando por falta de orientação ou de escolha essas pessoas permanecem nas funções para as quais não têm aptidão, sentindo-se infelizes, perpetuando desempenhos medíocres e, de forma muitas vezes imperceptível, comprometendo a competitividade da empresa...”

Encontrando a pessoa certa.

Colocar o indivíduo certo na função adequada é algo conceitualmente bastante simples: Trata-se de identificar quais as exigências ou necessidades que a função requer e arranjar alguém que satisfaça essas exigências, ou seja, que se encaixe na função, que possa executar as atividades inerentes ao cargo com desenvoltura e que possa interagir com as pessoas da equipe. Em outras palavras, que venha a ser competente. A questão é: como identificar isso de modo realmente eficaz?

Muitos gerentes costumam dizer que basta uma conversa “olho no olho” para avaliar um candidato. Acreditamos nisso também. Uma entrevista bem conduzida sempre irá revelar muitos aspectos interessantes sobre o candidato.

Entretanto é importante lembrar que normalmente, quando avaliamos alguém usamos a nós próprios como padrão, ou seja, temos a tendência de procurar nos outros as mesmas características que possuímos, na medida em que o modelo de resposta que queremos ouvir é a resposta que nós próprios daríamos se estivéssemos naquela situação. Esse mecanismo é inerente ao ser humano e pode muito bem passar despercebido no entrevistador.

O uso da Tecnologia

Candidatos frequentemente passam por treinamento e preparação para fazerem frente a processos de entrevistas para novos empregos. Isso faz com que muitos candidatos possam ter aparências similares, estilo de curriculum similares e comportamentos estudados, o que exigirá maior atenção e experiência por parte do entrevistador/gestor. Mesmo assim, enganos são cometidos e pessoas com perfil inadequado acabam sendo contratadas porque “se venderam bem” no processo de seleção.

O uso de tecnologia em Análise de Perfil Pessoal tem sido cada vez mais o caminho de prevenção para esses casos. Há tecnologias disponíveis no mercado que permitem leituras bastante detalhadas das características do candidato e o quanto essas características formam as competências comportamentais requeridas pelo cargo. Há ainda uma possibilidade adicional: a identificação dos gaps entre o indivíduo e a função, conduzindo assim a um levantamento de necessidades de treinamento bastante eficaz.

A percepção do gestor em procurar colocar as pessoas certas no lugar certo e também de constantemente buscar formas de melhor adequar aquelas que já estão nas funções é o que faz a diferença no final das contas, pois uma vez que esse procedimento impacta no desempenho da empresa, esse gestor certamente será visto como um executivo que traz resultados efetivos.

Edson Rodriguez é consultor em Gestão Empresarial, autor dos livros “Conseguindo resultados através de Pessoas”, “Futebol para Executivos” e “Porque alguns vendedores vendem mais que os outros?”. 

É sócio e Vice Presidente da Thomas International do Brasil e também Diretor da Your Life do Brasil, empresa de e-coaching.

 

Edson Rodriguez

Edson Rodriguez: consultor em Gestão de Pessoas e autor dos livros PORQUE ALGUNS VENDEDORES VENDEM MAIS QUE OUTROS, FUTEBOL PARA EXECUTIVOS e CONSEGUINDO RESULTADOS ATRAVÉS DE PESSOAS. www.porquealgunsvendedores.com.br

Clique aqui para ler este artigo na Artigonal.Com