Como evitar o roubo de idéais Rio Branco, Acre

O roubo de idéias é algo comum na atualidade.Nas empresas, uma causa pode ser a falta de um canal formal para absorver idéias. É como se elas ficassem circulando sem dono, à espera de quem possa assumir sua paternidade.Neste artigo daremos dicas de como proteger seus planos inovadores.

Aja Assessoria Jurídica Amazônica
(68) 3224-4220
r Isaura Parente, 320 Bosque
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advocacia Trabalhista
(68) 3223-2929
av Brasil, 303 s 504 Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advocacia Mafra & Mafra
(68) 3224-9312
av Getúlio Vargas, 130 1ºandar sala 104/106 Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advocacia Palacio Dantas
(68) 3224-7603
r Rio Janeiro, 870 2º And Floresta
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Aiache Co Consultoria Jurídica
(68) 3224-6324
av Brasil, 303 Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advocacia Dr Delano Lima Silva
(68) 8402-4349
r Isaura Parente, 3265 s 1 Estação Experimental
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advocacia Geral da União
(68) 3224-3292
r Rui Barbosa, 415 Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advocacia Leonardo Ferreira Lima
(68) 3223-3910
r Valério Magalhães, 333 Bosque
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advocacia José Branco da Costa & Divina Moreira
(68) 3223-3382
av Getúlio Vargas, 130 s 203 Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Advogados Associados JS
(68) 3223-5403
av Ceará, 1276 sala 22 Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Como evitar o roubo de idéais

Você já foi vítima desse tipo de pirataria? Consola saber que você não está sozinho? Esse é um fenômeno bastante freqüente, por várias razões.

Nas empresas, uma causa pode ser a falta de um canal formal para absorver idéias. É como se elas ficassem circulando sem dono, à espera de quem possa assumir sua paternidade.

À medida que as empresas perceberam o valor de uma boa idéia, foram criando canais para aproveitá-las. Mas, por outro lado, a valorização das idéias (e dos pais das idéias) aumentou a pirataria.

E há também uma faceta psicológica: quando alguém tem uma idéia óbvia, seu chefe ou colega pode achar que "não ter visto isso antes" é um sinal de incompetência.

Quando a idéia é muito original, um chefe ou colega pode invejar ou temer o brilho do criador.

Imagine se, além disso, um chefe correr o risco de ser humilhado por não ser ele o pai da idéia. Esta mentalidade pode fazer com que pessoas se apropriem das idéias alheias, mas mudará completamente quando um líder passar a ser valorizado não só por suas idéias, mas também pelas de sua equipe.

Nem tudo está perdido. Se você teve sua idéia pirateada, não se deixe abater, mas fique atento. Seguem algumas dicas para as próximas vezes:

Dicas

Para evitar que roubem sua idéia:

Apresente a idéia como um projeto. Uma idéia não merece ser papo de corredor. Ela deve ser apresentada com respeito: por escrito, com estimativa do custo-benefício de sua implantação e/ou em uma reunião. Mesmo se a idéia for simples, de implementação rápida, não deixe que ela se evapore ou fique no inconsciente de alguém.

Não confunda pirataria com trabalho em equipe. Sua idéia tem grandes chances de ser aprimorada com a ajuda de outros, que também merecerão desfrutar do sucesso. Apenas escolha bem seus parceiros.

Evite que seu chefe se sinta mal por não ter tido a idéia antes. Mostre como ele vai ser valorizado por tê-lo estimulado e tê-lo ouvido.

Escolha para quem contar a idéia primeiro. Não use apenas o critério técnico. Seja sensível. Não magoe ninguém, mas pense em quem saberá valorizá-lo. Esta é uma escolha difícil, porém importante.

Se você já teve sua idéia roubada:

Se o roubo de idéias é comum em sua área trata-se de um problema de liderança. Usando tato, você poderá mudar a mentalidade de seu chefe.

Se o roubo de idéias é comum em toda a empresa, faz parte da cultura organizacional. Você terá que se precaver com documentos, vale até patentear.

Se o roubo de idéias só acontece com você, faça um auto-exame: a idéia era mesmo sua ou era algo que pairava no ar e poderia ser visto por outras pessoas?

Você não é o tipo de pessoa que adora a inspiração e se esquece da transpiração? Será que não permitiu que esta segunda fase fosse parar nas mãos de outros? Será que você levaria mesmo a idéia adiante? Você merece os louros por ter tido a idéia, mas quem finalmente a implementou também merece reconhecimento.

Não se deixe envenenar pela sensação de injustiça. Quanto mais você remoer mágoas, mais se distanciará da capacidade de gerar outras idéias. Lembre-se que o desapego é um dos componentes do processo criativo, portanto passe para outras idéias o quanto antes.

O roubo de idéias é comum em sua empresa? Ou seus colegas simplesmente não estão motivados a dar idéias? Pense em formas de influenciar uma mudança de comportamento...ou em outras alternativas profissionais.

Sobre o Autor
Gisela Kassoy é especialista em Criatividade e Inovação e atua com consultoria, palestras, seminários e como facilitadora de grupos de geração de idéias.

Artigos.com