Como superar o desemprego Brasília, DF

Mais de 1,2 mil empregos foram perdidos no ano passado, e há mais perdas para vir. Então o que você faz quando isso acontece com você?Existem procedimentos basicos que podem te ajudar a superar essa fase tao delicada!

Pedi Dieesi
(61) 3322-7045
scs Qd 1 Bl K, s/n an 903 Asa Sul -
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Agencia de Conforto
(61) 3223-2008
scs Qd 2 Bl C, s/n s 309 Asa Sul - Brasília
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Adservis
(61) 3327-3485
scn Qd 6 Bl A, s/n cj A sl 309 Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Soma Desenvolvimento
(61) 3963-9523
cln 403 Bl A, s/n bl A sl 812 A Sul -
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Agencia de Empregos Vip
(61) 3475-5896
qnj 26 Lt 14 Sl 102 Taquatinga Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Agencia de Empregos Asa Norte
(61) 3347-3006
sepn 509 Bl D, s/n sl 33 Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Sport Representaçoes e Serviços
(61) 3424-3100
scrn 702/703 Bl C, s/n lj 49 Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Oliveira
(61) 3346-1802
sqs 214 Bl B, ap 402 Brasília
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Agencia de Empregos Glamour
(61) 3202-4403
w 3 Norte, s/n Qd 710 Bl A Ent 37 Sl 101 Asa Norte
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Agencia Vaga de Empregos
(61) 3468-5839
shin QI 2 Cj 9, s/n c 20 Brazilia
Brasília, DF

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Como superar o desemprego

Mais de 1,2 empregos foram perdidos no ano passado, e há mais perdas para vir. Então o que você faz quando isso acontece com você?

1. Compreender as suas opções. A maioria das empresas fornecem algum tipo de rompimento de contrato ou carta de rescisão. Certifique-se de revisá-la cuidadosamente. Verifique com um advogado se você acha que faz sentido. Dê a si próprio algum tempo para pensar sobre os seus direitos e opções antes de assinar qualquer coisa.

2. Informe seus entes queridos. Perder o seu trabalho pode fazer você se sentir sozinho e desesperado. Este não é o momento de se sentir envergonhado e tentar esconder o que está acontecendo. Você não fez isso acontecer e não afetará apenas você. Converse com alguém que será compreensão e dar-lhe algum apoio emocional. Deixe os seus filhos saibam que você estará passando por uma transição. Você será um grande exemplo, mostrando as pessoas que você pode lidar com um revés.

3. Identificar os seus recursos. Perder o emprego é uma grande desorganização. Obtenha o seu suporte no local o mais rapidamente possível. Inscreva-se no seguro desemprego. Verifique sobre seguros de saúde. Descubra o que a sociedade, governo e alguém que possa ajudá-lo com êxito para a pesquisa de um novo emprego.

4. Seu Novo Plano de Trabalho. Faça uma lista de coisas que você precisa fazer. Esta atualização irá provavelmente incluir seu currículo, realizar pesquisas on-line, fazer chamadas telefônicas reuniões. Faça uma lista para você mesmo e cumpra-a.

5. Veja o lado bom da situação. Perder o emprego é um choque. Sua emoção vai demorar um pouco de tempo para se ajustar. Este é um grande momento para reencontrar-se consigo mesmo, sua família e amigos. Lembre-se de todas as grandes coisas que você tem feito e todas as grandes coisas que você tem deixado de fazer.

Perder o emprego é difícil para todos. Você não pode mudar isso. Mas você pode mostrar a todos que cuidar de si mesmo e se avançar com uma atitude vencedora leva a maiores e melhores coisas no futuro.

Sobre o Autor
•PhD em Administração de Empresas pela Flórida Christian University (EUA)
•PhD em Psicologia Clínica pela Flórida Christian University (EUA)
•Psicanalista e Diretora de Assessoria Geral da Sociedade de Psicanálise Transcendental.
•Mestre em Administração de Empresas pela USP.
•Especialista em Estratégias de Marketing em Turismo e Hotelaria pela USP, MBA em Gestão de Pessoas e Especialista em Informática Gerencial.
•Psicanalista voluntária na Casa de Apoio à Criança Carente com Câncer e na Universidade da Terceira Idade.
•Professora da FGV do Rio de Janeiro e de mais 03 universidades.
•Empresária no ramo moveleiro
•Responsável e Membro do Conselho Editorial da Revista Empresa Familiar.
•Coordenadora do grupo de Excelência de Empresa Familiar do Conselho Regional de Administração de São Paulo - CRA.
•Diretora da DS Consultoria S/S Ltda, especializada em Empresas Familiares.
•Conciliadora, Mediadora e Árbitra Empresarial.
•Membro do Conselho Editorial e responsável pela Revista Empresa Familiar.
•Autora do livro O Perfil do Empreendedor e co-autora do livro Empresa Familiar: Conflitos e Soluções, juntamente com Domingos Ricca, Roberto Gonzalez e José Bernardo Enéas Oliveira.
•Vários artigos publicados na área de Administração, Tecnologia da Informação e Psicanálise em revistas especializadas.

Artigos.com