Controle de pragas e doenças na agricultura orgânica Rio Branco, Acre

Existe um consenso entre os agricultores: pragas e doenças são um grande problema. Se visto isoladamente, realmente temos que usar os tais defensivos agrícolas na lavoura. Mas muitas vezes o uso de agrotóxicos não resolve. Leia mais no artigo abaixo.

E. C. Vieira - Me
(68) 3223-3857
r Hugo Carneiro, 227, Bosque
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
F . Moura Felix - Me
(68) 3227-7182
r Rio de Janeiro, 1564, Floresta
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Elcimar F. Ferreira
(68) 3223-3857
etr Usina, 1321, Aviário
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
F. Junior Vieira de Oliveira
(68) 3026-1046
r Deodoro,Mal, 159, Sl 244, Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
D Lago
(68) 3026-2495
r Rubens Carneiro, s/n, Sn, Abrahão Alab
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
I. J. Schaefer -me
(68) 3228-4088
av Getúlio Vargas, 3242, Vl Ivonete
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Cometa Restaurante Ltda
(68) 3224-2115
r Quintino Bocaiúva, 223, Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
A. Palu Junior
(68) 3224-1998
r Quintino Bocaiúva, 1452, Bsq
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
J. Felix Ferreira
(68) 3026-1037
r Rio de Janeiro, 1854, Qd D 9 Cs 2, Base
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
D. M. S. Borges - Me
(68) 3226-6655
av Nações Unidas, 2123, Estação Experimental
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Controle de pragas e doenças na agricultura orgânica

Existe um consenso entre os agricultores: pragas e doenças são um grande problema. Se visto isoladamente, realmente temos que usar os tais defensivos agrícolas na lavoura. Mas muitas vezes o uso de agrotóxicos não resolve. Depois de um tempo a praga volta com mais força e, senão, resistente ao agrotóxico. Mas por que isso acontece?

Primeiramente, devemos lembrar dos artigos escritos no portal. Para quem lembra desses artigos, na agricultura orgânica devemos ver os problemas como um todo e não isolar somente o sintoma. Vamos lá: se realmente a praga é a raiz do problema, por que a couve plantada com adubo químico teve pulgão e a couve plantada com adubo orgânico não teve? E elas estavam pertinho uma da outra!

Não podemos esquecer que a praga ou a doença nada mais é que um ser vivo que teve sua população crescida de modo exorbitante, que causou prejuízos na lavoura. Se olharmos mais a fundo podemos observar alguns fenômenos:

1) Nas florestas dificilmente têm praga

2) Uma planta nutricionalmente equilibrada fica resistente aos ataques de insetos e outros seres danosos (veja uma criança desnutrida: certamente estará doente, não é mesmo?)

3) Uma lavoura cheia de predadores, como a joaninha, dificilmente deixa crescer a população de pragas, como o pulgão. Afinal ela também tem fome (para se ter uma idéia, uma joaninha pode comer até 300 pulgões por dia!)

Visto isso podemos tirar algumas conclusões:

§ Nossa lavoura tem que ter bastante biodiversidade. Se tiver somente uma só cultura, certamente será um banquete para as pragas e doenças

§ Devemos usar adubação orgânica com adubos minerais pouco solúveis, bem como micronutrientes. Assim a planta recebe os nutrientes de maneira gradual e necessária. Sem afobação. Dessa maneira ela não fica desequilibrada e suscetível às pragas

§ Em nossa propriedade, não devemos eliminar insetos pregadores, nem aranhas ou mesmo passarinhos. Eles são inimigos naturais das pragas de nossa lavoura.

Fazendo dessa maneira, dificilmente vocês terão problemas com pragas e doenças. Mas não se esqueçam: sempre terá insetos que comem nossas culturas, mas não atingirão o nível de dano econômico. Isso é a imagem que devemos ter de uma agricultura sadia e produtiva, sem o uso de insumos tóxicos ao ambiente.

Nota: É proibida a reprodução deste texto em qualquer veículo de comunicação sem a autorização expressa do autor. Só serão permitidas citações do texto desde que acompanhadas com a referência/crédito do autor.

Fonte: Equipe Portal Orgânico - Eng. Agrônomo Ricardo Cerveira

Clique aqui para ler este artigo na Portal Agricultura