Dança do Ventre Brasília, DF

A Famosa e muito sensual dança do ventre vem dando asas à imaginação masculina há muito mais tempo que muita gente imagina, A dança do ventre foi muito possivelmente originada entre os séculos 7.000 e 5.000 A.C. A dança do ventre era praticada pelas civilizações: Suméria, Acádia, Babilônica e Egípcia.

CLINICA DO BEM ESTAR
061 98285057
QNJ 21 CASA 09
BRASÍLIA , DF
 
Ruth AL C Santos
(61) 381-9885
r Qe, 13, cj h cs 2
Brasília, DF
 
Loberto M Sasaki
(61) 346-5342
r Crs, 512, bl a en 24 sl 104
Brasília, DF
 
Maria M Souza
(61) 354-9086
r Qng, 1, lot 1 lj 4
Brasília, DF
 
Fujioka
(61) 591-9095
r Central, 7, bl 11 lj 12
Brasília, DF
 
Inst Agrícola La Salle
(61) 381-3473
r Smpw Q, 5, cj 12 ae sn
Brasília, DF
 
Francisca P Loureiro
(61) 581-1761
r Qnm, 4, cj i cs 48
Brasília, DF
 
Cedae Centro Acompanhamento Escolar
(61) 234-5721
r Ea, 6, bl b lj 40 ss
Brasília, DF
 
Oscar K Umeta
(61) 591-4587
r Central, 11, bl 10 lj 2
Brasília, DF
 
LS Escola Enfermagem
(61) 352-2294
r D Sul, 5, sl 218
Brasília, DF
 

Dança do Ventre

A Famosa e muito sensual dança do ventre vem dando asas à imaginação masculina há muito mais tempo que muita gente imagina,

A dança do ventre foi muito possivelmente originada entre os séculos 7.000 e 5.000 A.C. A dança do ventre era praticada pelas civilizações: Suméria, Acádia, Babilônica e Egípcia.

A Dança do ventre inicialmente era realizada somente dentro de templos religiosos, essa era considerada um canal de ligação entre a Deusa e mortais.

O aprendizado da dança do ventre vinha acompanhado de uma educação religiosa que era parte da formação da sacerdotisa que devotaria sua vida a deusa mãe. Meninas que tinham seu futuro planejado para serem sacerdotisas eram treinadas desde muito cedo na arte.

Inicialmente a dança era executada dentro dos templos com as dançarinas nuas, as roupas coloridas e sensuais foram introduzidas juntamente com a popularização da dança.

A popularização da dança do ventre e o esquecimento de sua conexão com elemento sagrado, ritualístico e místico ocorreu juntamente com as primeiras tentativas dos Faraós, reis e chefes de estado de equiparar poderes com os deuses, trazendo assim à dança do ventre, que até então era uma exclusividade divina, para dentro dos palácios.

Após ser trazida para dentro dos palácios a dança foi levada às ruas, sendo primeiramente integrada a rituais de celebração popular. Não demorou muito tempo para que a dança do ventre virasse um dos símbolos da cultura do oriente médio.

O mistério que gira em torno da dança do ventre pode ser em partes atribuído a origem dos movimentos executados pelas dançarinas.

Os movimentos são na maioria baseados em imagens retiradas da natureza e do movimento dos quatro básicos elementos que são ligados a vida e ao espiritualismo.

Usando a parte espiritual da dança do ventre como explicação dessa arte, podemos muito bem dizer que essa é uma celebração de um ato de amor que liga a dançarina ao poder supremo.

Um fator que é interessante de ser deixado claro é que a dança era somente praticada por mulheres, já que essa fazia parte de uma descoberta espiritual e religiosa voltada à deusa mãe que era para os povos egípcios o símbolo de feminilidade e fecundação.

A participação masculina na dança do ventre só foi aceita muito recentemente e em muitos meios esses dançarinos ainda não são muito aceitos. A maioria dos dançarinos homens só é aceita como parte do grupo musical que acompanha as dançarinas e não do corpo de dança.

A dança do ventre traz benefícios inúmeros para o corpo feminino, alem de resgatar a beleza da forma feminina ao corpo da mulher, pois trabalha intensamente com a área da pélvis e da barriga, tonificando os músculos da mesma.

Devido à leveza dos movimentos e a utilização de instrumentos musicais que emitem sons semi-hipnóticos a dança de ventre tem um efeito quase que terapêutico, sendo esses alguns dos motivos porque a dança do ventre é tão recomendada para pessoas que sofrem de stress.

Sobre o Autor
Formada em moda pela International Academy of Design, no Canadá, retornou ao Brazil e juntamente com o seu marido tem se dedicado ao desenvolviento do portal de negocios minharua.com

Artigos.com