Estudando sobre Medicina Psicossomática Caucaia, Ceará

A psicanálise e a medicina psicossomática no presente momento abrangem, além das neuroses, uma extensão dos nossos conhecimentos sobre neuroses à psicopatologia de outros estados antes considerados como pertencentes ao domínio da medicina puramente física.

Jose Alberto Rocha
3368-8999
Av Edson da Mota Correia 714
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Maria Flavia Nobre Damasceno
3221-6716
R Costa Barros 1419
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Maria do Perpetuo S S da Cunha
3486-6165
Av Dom Luis 1233
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Maria Roseli M Callado
3261-7938
Av Desembargador Moreira 2120
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Roseane Feitosa de Oliveira
(85) 3264-7174
Av Santos Dumont 2626
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Caesar Augustus B Fontes
3368-8995
Av Edson da Mota Correia 714
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Genética Médica

Dados Divulgados por
Denise Nunes Oliveira
3088-2440
R Nunes Valente 2105
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Francisco Joao da Silva
3486-6067
Av Dom Luis 1233
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Heloisa Beatriz de Holanda
3271-2091
R Doutor Jose Furtado 1660
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Aila M Martins Pimentel Oliveira
3287-5589
R Pintor Antonio Bandeira 1500
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Estudando sobre Medicina Psicossomática

A PSICANÁLISE A MEDICINA PSICOSSOMÁTICA E O CORAÇÃO

Dr.Wagner Paulon

1992 - 2008

Toda moléstia é um problema de perturbação da psique e do soma; assim, toda medicina é medicina psicossomática. De fato, quando isso estiver perfeitamente compreendido não haverá mais a necessidade do termo medicina psicossomática; ambas as partes do termo estarão implícitas na palavra medicina.

Entretanto, a doença foi considerada por algumas décadas como devida somente à patologia dos tecidos e somente há poucos anos que a psicanálise psiquiatria e a neurologia, adquirindo maiores conhecimentos sobre as neuroses, mostraram que a causa primária de certos quadros mórbidos é antes psicopatologia que patologia dos tecidos.

Portanto, a psicanálise e a medicina psicossomática no presente momento abrangem, além das neuroses, uma extensão dos nossos conhecimentos sobre neuroses à psicopatologia de outros estados antes considerados como pertencentes ao domínio da medicina puramente física.

A seguir serão feitas tentativas para demonstrar não tanto que o problema médico é puramente funcional ou apenas físico, mas que os fatores psicológicos e físicos estão ambos presentes e que a questão se torna: quanto de um e de outro e qual a relação entre ambos.

A despeito da enorme incidência de doença cardiovascular, a maioria dos pacientes que têm sintomas atribuídos à região do coração não apresenta evidências de doença cardíaca orgânica. É fácil encontrar o motivo.

Desde tempos imemoriais que o coração tem sido a tradicional sede das emoções e atua, assim, como ponto focal para a angústia. Nenhum outro órgão do corpo é usado tão freqüentemente de modo simbólico para se referir ao amor e ao ódio, que, como assinalou W. C. Menninger, nos levam a pensar na significação emocional das perturbações que envolvem o coração. Como um símbolo do amor estamos familiarizados com o uso do coração como um "representante do amor" e a expressão coloquial de "coração quente", "amando com todo o meu coração", "sentir de todo o coração". Falamos de "com alegria no coração" e do coração "pulando de satisfação". Mas, falamos também de estarmos com "coração triste" e "com peso no coração". Por conseguinte, também falamos de "coração tímido" e de "coração medroso"; ou pensamos no coração "disparando de medo", de "agitação ou tremulação no coração". Ódio e hostilidade são expressos em termos tais como "coração duro", "sem coração", de "sangue-frio" em vez de "coração quente". À pessoa injuriada diz-se que sofre de "dor no coração" ou que está com o "coração doente". Todas estas expressões têm significação do ponto de vista da "linguagem dos órgãos".

Sobre o Autor

Bacharelado completo; Mestrado completo; Doutorado completo; Pós-doutorado completo. Cursos e vida profissional: FORMAÇÃO EM PSICANÁLISE (ESCOLA PAULISTA), MESTRE EM PSICOPATOLOGIA (ESCOLA PAULISTA), PSICOLOGIA (SAINT MEINRAD COLLEGE) USA, PEDAGOGIA (FEC ABC), MBA (UNIVERSITY ABET) USA, CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENTORPECENTES (USP), PSICANALISTA POR MUITOS ANOS DE VÁRIOS HOSPITAIS DE SÃO PAULO (35 anos), HOSPITAL BENEFICIENCIA PORTUGUESA DE SÃO CAETANO DO SUL - São Paulo-Brasil. CLÍNICA MAIA - São Paulo-Brasil, INSTITUTO DE PREVIDENCIA E ASSISTENCIA SOCIAL MUNICIPAL DE S.C.S. - São Paulo-Brasil, HOSPITAL SANTA CLARA - São Paulo-Brasil, CLINICA MÉDICA Dr.MARIO JÕAO SALVIATTO - São Paulo-Brasil, HOSPITAL DAS NAÇÕES SANTO ANDRE - São Paulo-Brasil Período de 1986 a 1991, PSICANLISTA DO SINDICATO DOS METALURGICOS DE SÃO CAETANO DO SUL - São Paulo-Brasil, PSICANALISTA DA INDUSTRIA Z. F. DO BRASIL-S.C.SUL-Brasil, PSICANALISTA DO SINDICATO DOS PROPAGANDISTAS DE PRODUTOS FARMACÉUTICOS DE SÃO PAULO-São Paulo-Brasil, MEMBRO DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA (REGIONAL SÃO PAULO), I.E. S. A. - INTERNATIONAL SOCIETY FOR ELECTROSLEEP AND ELECTROANAESTHESIA, INC.GRAZ-1978-5-17 -(AUSTRIA), I.C.A. A - INTERNATIONAL COUNCIL ON ALCOHOL AND ADDICTIONS, CRTP CONSELHO REGIONAL DE TERAPEUTAS - São Paulo-Brasil, CBP CONSELHO BRASILEIRO DE PSICANÁLISE - São Paulo-Brasil, SINPESP SINDICATO DOS PSICANALISTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO, APESP ASSOCIAÇÃO DOS PSICANALISTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO - São Paulo-Brasil, EX-PROFESSOR DE ESCOLAS ESTADUAIS E PARTICULARES DO ESTADO DE SÃO PAULO (BIOLOGIA, BOTANICA E ZOOLOGIA), EX-DIRETOR-ASSISTENTE DO COLEGIO ESTADUAL DE SÃO CAETANO DO SUL, LIVRE DOCENTE DE VÁRIAS FACULDADES, EX-PROFESSOR DE PSICOPATOLOGIA DA ESCOLA SUPERIOR DE PSICANÁLISE DE SÃO PAULO, EX-DIRETOR DE RELAÇÕES HUMANAS DO SABETUR, MEMBRO DE VÁRIAS SOCIEDADES INTERNACIONAIS. Publicações: O PAPEL DO PSICANALISTA CLÍNICO NO HOSPITAL; STAPHYLOCOCCUS AUREUS (ASCENSÃO E DERROCADA); CINCO LIÇÕES DE PSICANÁLISE; REEDITOR DE OBRAS COMPLETAS DE SIGMUND FREUD; A FAMILIA; A IMIGRAÇÃO JAPONESA NO BRASIL; AS PSICOPATOLOGIAS HOJE, ONTEM E AMANHÃ; A AJUDA TERAPEUTICA DO ELETROSSONO NAS PSICOPATOLOGIAS; APOSTILAS DE CITOLOGIA; APOSTILAS DE BIOLOGIA; APOSTILA SOBRE GENETICA MEDICA.


Artigos.com