Lojas de adubos e fertilizantes Brasília, DF

Aprenda como calcular a dose de adubo para saturar parte da CTC. Veja passo a passo exercícios resolvidos. Saiba como calcular as somas das bases, reposição do potássio e muito mais.

Cafe Cancun
(61) 3327-1451
SCN Qd 2 BL D, s/n Lj 52; Liberty Mall
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Aabb-associação Atlética Banco do Brasil
(61) 3223-0078
Sces Tr 2, s/n, lt 16
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Haná Japanese Food
(61) 3242-7331
CLS 408 BL B, Lj 35
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Aero Clube de Brasília
(61) 3225-9811
Sgas 903, Lt 77
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Brasília Clube de Xadrez
(61) 3274-5375
Scrn 706/707 Bl D, s/n, en 12, s 301
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Fuji sushi
(61) 3224-6255
SCS Q 7 BL A, Lj 64
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Dragon King
(61) 3328-4030
SCN Q 5 BL A, Brasília Shopp Lj 223
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Cantina Da Massa
(61) 3226-8374
CLS 302 BL A, Lj 4
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Le Français Restaurant
(61) 3225-4583
CLS 404 BL B, Lj 27
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Centro de Treinamento Esgrima Brasília
(61) 3242-5497
Sces Tr 1, s/n, lt 3
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Lojas de adubos e fertilizantes

A análise de um solo apresenta os seguintes resultados:
K = 0,8 mmolc/ dm3
Ca = 0,7 cmolc/dm3
Mg = 0,3 cmolc/dm3
(H+ + Al3+) = 5,5 cmolc/dm3

Na aplicação do calcário pretendemos elevar o pH a 6,0. Com esta prática haveria uma liberação de cargas negativas equivalentes a 65% da Capacidade de Troca de Cátions – CTC a pH 7,0. Queremos que 3,5% da CTC seja saturada com potássio. Precisaríamos incorporar ao solo um adubo potássico – o cloreto de potássio. Qual a quantidade de KCl será necessário?.

1° Passo: Calcular a soma de bases (S)
S= Ca + Mg + K
Precisamos transformar K = 8 mmolc/ dm3 em cmolc/dm3.
O valor (S) é expresso em cmolc/dm3
K = 0,8 / 10 = 0,08 cmolc/dm3

S = 0,7+0,3+0,08 = 1,08 cmolc/dm3

2° Passo: Calcular a CTC a pH 7,0
CTC a pH 7,0 = T = S + (H+ + Al3+) = T = 1,08+5,5 = 6,58 cmolc/dm3
A CTC a pH 7,0 deste solo é igual a 6,58 cmolc/dm3. Sessenta por cento (60%) desta CTC corresponderia:
100% ........................ 6,58 cmolc/dm3
65% ........................ X

X = 65 x 6,58 / 100 = 4,27 cmolc/dm3

Deste valor 4,27, deve-se ocupar 3,5% com K
100% .......... 4,27 cmolc/dm3
3,5% .......... X
X = 3,5 x 4,27 / 100 = 0,149 cmolc /dm3

3° Passo: calcular a reposição de potássio (K)

O solo, já possui 0,08 cmolc de K/dm3
Portanto, 0,149 – 0,08 = 0,069 cmolc de K/dm3 que faltam para se ter 3,5% da CTC a pH 6,0 ocupada por potássio.
Pela tabela 1 (veja mais abaixo) o coeficiente para transformar cmolc/ dm3 de K em g K é 0,3909. Então 0,069 x 0,3909 = 0,026972 g/dm3 de K
Pela Tabela II para transformar-se g/dm3 em kg/ha deve-se multiplicar por 2.000. Logo:



0,026972 g/dm3 de K x 2.000 = 53,94 kg/ha de K .

4° Passo: transformar K em K2O
Mas no fertilizante cloreto de potássio, o potássio está na forma K2O. Então, teremos que transformar os valores de K em K2O.
Para isto, usamos a Tabela 1 e encontramos o fator de conversão de 1,20458.

53,94 kg/ha x 1,20458 = 64,97 kg de K2O/ha .

5° Passo: calcular a quantidade de adubo potássico
Como o cloreto de potássio (KCl) tem 60% de K2O,
100 kg de KCl...................60 kg de K2O
X ..........................64,97 de K2O
X = 64,97 x 100 / 60 = 108 kg/ha de KCl

Clique aqui para ler este artigo na Agronomia Com Gismonti