Numeração internacional para livros Alagoinhas, Bahia

Analise a importância da numeração internacional para livros. O autor explica que a automatização contribui na agilização da distribuição e localização das obras. Ele define, "A ISBN é um sistema de numeração que possibilita individualizar qualquer título de livro em diferentes países".

Base Comunicação e Planejamento Ltda
(71) 3353-7356
r Antônio Bulcão,Des, 19, An 1, Brotas
Salvador, Bahia

Dados Divulgados por
PRAETORIUM ITABUNA
(73) 3041-4840
Rua Monsenhor Moisés
ITABUNA, Bahia
 
IMAGINARTE COMUNICAÇÃO VISUAL
(71) 3301-8678
RUA DIRETA DO DERBA Nº 347 VALERIA
SALVADOR , Bahia
 
Divulgue Eventos e Empresas
(73) 3679-1341
Av. Dos Flamboyants, nº30, Village II
Porto Seguro, Bahia
 
SHOWJA PRODUÇÕES E MÍDIAS
(73) 8808-7175
www.SHOWJA.com
Bahia, Bahia
 
Impacto Design e Comunicação Ltda
(73) 3011-2542
Av. São Paulo, 69
Teixeira de Freitas, Bahia
 
CDC Comunicacao Visual e Sinalizacao
(71) 3351-2709
Rua Metodia Coelho, 62 Sala 110
Salvador, Bahia
 
EDDATTA PUBLICIDADE VOLANTE
(75) 3485-3082
Rua Vasco da Gama, 156 - Sobradinho
Feira de Santana, Bahia
 
Plural Marketing Promocional Ltda
(71) 3025-5900
r Alceu Amoroso Lima, 314, An 11, Caminho das Árvores
Salvador, Bahia

Dados Divulgados por
Natal é Aqui
(71) 8744-1004
Rua Amparo do Tororo n 136-b
salvador, Bahia
 
Dados Divulgados por

Numeração internacional para livros

Para falarmos da ISBN devemos atentar para alguns aspectos importantes para melhor compreensão da mesma. Temos que salientar o seu papel Histórico, a sua constituição, características, vantagens e a sua criação no Brasil, para assim elaborarmos um pensamento crítico a respeito desse assunto.

A ISBN teve início na década de 1960, quando as editoras sentiram a necessidade de estabelecer um sistema de controle numérico único para os livros publicados por distintas editoras. A idéia foi descorrida inicialmente por Daniel Melcher, presidente de uma das maiores editoras dessa época. Cinco anos mais tarde, a maior cadeia de livrarias da época, localizada no Reino unido, apresentou a mesma idéia á Publishers Assosciation. Já em 1967, o projeto pronto e aprovado despertou o interesse da British Library e do Greater london Council, e também recebeu adesão do Reino unido, Canadá, EUA e Austrália. Dando início a internacionalização do sistema Numérico para cada livro.

A Numeração Internacional para livros-ISBN é um sistema de numeração que possibilita individualizar qualquer título de livro em diferentes países. A ISBN é constituído dez dígitos distribuídos em quatro segmentos separados por hífens. Os dígitos do primeiro segmento, determinado pela Agência Internacional da ISBN, sediada em Berlim, diz respeito aárea geográfica e ou área idiomática. O segundo segmento é constituído por dígitos que identificam as editoras. O terceiro segmento é formado por dígitos que identificam os títulos. o quarto e último segmento é o chamado dígito de controle, que permite proporcionar a averiguação automática quanto a exatidão a das seqüências dos dígitos.

È importante ressaltarmos, as vantagens que a ISBN trouxe para os livreiros e distribuidores, que através desse sistema economizam tempo no processamento dos pedidos e na transmissão de dados sobre os livros. Nas bibliotecas a ISBN também pode vir a facilitar a automação do sistema de aquisição e futuramente sua utilização em catálogos coletivos e em atividades de empréstimos entre Bibliotecas.

Outro aspecto proeminente, em relação a ISBN ocorre sobre a implantação dela no Brasil, que teve a iniciativa das editoras em 1971, durante o 4º encontro de editores de livros , que aconteceu em São Lourenço, MG. Os participantes desse encontro resolveram propor a Agência Internacional da ISBN a instalação de uma Agência no Brasil. A proposta foi elaborada pela Comissão de representantes do SNEL, Biblioteca Nacional, IBBD (atual IBICT), IBGE e ABNT. Após aprovação da proposta o Brasil, juntamente com Portugal, recebeu o código 85, e passou a fazer parte do grupo de países da Língua Portuguesa. Sendo assim, a Biblioteca Nacional foi escolhida como Agência Nacional da ISBN. Em 1978 começou o processamento das editoras brasileiras interessadas em obter seus números padronizados.

Não podemos esquecer ainda, da disposição da ISBN em livros, A ISBN deve aparecer no verso da página de rosto, ao pé da quarta capa á direita, e na sobrecapa se houver.

Portanto, a ISBN desde da década de 1960 até hoje, vem contribuindo com as editoras e com os Bibliotecários afim de controlar, padronizar e uniformizar os diferentes títulos, que através de números específicos são facilmente identificados por qualquer pessoa que saiba utilizar esse tipo de sistema.

Referências

ASSOCIAÇÂO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10521: Numeração Internacional para livros: ISBN. Rio de Janeiro, 1988.

MEY, Eliane Serrão Alves. Identificação numérica de documentos. In: __. Introdução a catalogação. Brasília: Briquete Lemos, 1995. Cap. 8, p. 65-70

Clique aqui para ler este artigo na WebArtigos.com