Salto alto aumenta risco de tumor nos pés Cuiabá, Mato Grosso

A dormência na planta do pé irradiada para os dedos pode ser um dos sintomas do tumor Neuroma de Morton. O ortopediasta Vicente Macedo descreve essa patologia. Conforme ele, a doença pode estar relacionada com o uso de salto alto.

Naíra Domingos Sé
(65) 3322-2504
Rua Rua dos Líriosº 525
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Cardioclin
(65) 3027-3040
r Joaquim Murtinho, 551
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Cecan
(65) 3623-7032
Pc Do Seminário, 141
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Audimet Auditoria em Saúde e Medicina do Trabalho
(65) 3321-8725
r Des José Mesquita, 303 Araés
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Castro, Maria C D
(65) 3321-5658
r Br Melgaço, 2403
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Eliane Solange de Souza Pires
(65) 3617-1688
Cuiaba, Mato Grosso
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Antônio M Silva
(65) 3321-4451
r Joaquim Murtinho, 940 Centro Sul
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Center Clin
(65) 3321-5658
r Br de Melgaço, 2403
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Clínica Genus Ltda
(65) 3642-4742
av Aclimação, 508, Bsq da Saúde
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Center Med
(65) 3023-6666
r Gago Coutinho, 359
Cuiabá, Mato Grosso

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Salto alto aumenta risco de tumor nos pés

Fornecido por: 

julho 14, 2009 | admin  
Categoria: Saúde | Bem Estar

Deixe um Comentário

massagem-pe-tumor-20086% das vítimas são do sexo feminino. A grande incidência dos casos pode estar ligada ao uso frequente de salto alto e bico estreito.

Dores nos pés não são sinônimo de cansaço. Quando ocorrem com maior freqüência podem indicar um alerta do corpo de que algo está errado.

Entre os problemas relacionados a tais dores está o Neuroma de Morton ou Neuroma Interdigital. Com nome desconhecido pela maioria da população, este tumor benigno ocorre entre os ossos dos dedos e afeta principalmente o sexo feminino. Segundo estudo publicado pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia – SBOT, 86% dos casos ocorrem em mulheres entre 20 e 70 anos.

De acordo com o ortopedista de Uberlândia, Vicente Carlos Franco Macedo as dores são sintomas típicos desta síndrome. “Os nervos se distribuem entre os ossos e em torno dos dedos. Os neuromas são tumores benignos do tecido nervoso e se caracterizam por uma degeneração lenta das fibras nervosas. Este tipo de doença aparece mais frequentemente entre os ossos dos 3º e 4º dedos (3º espaço) ou entre o 2º e 3º dedos (2º espaço)”, explica.

Sintomas

Segundo o ortopedista, o principal sintoma é dor e dormência na planta do pé irradiada para os dedos causada pela falta de irrigação de sangue intraneural devido pressão excessiva exercida pelo tumor. “No momento da dor é recomendado que a pessoa sente-se e retire o calçado para massagear a polpa do pé para obter alívio”, orienta o ortopedista.

Além desses sintomas, o Neuroma também pode provocar queimação e parestesia (sensações como formigamento e pressão que podem ocorrer quando algum nervo sensorial é afetado) ou ainda dor ao suportar o peso do corpo depois de apenas um curto período de tempo.

Causas

As causas do Neuroma ainda são desconhecidas, mas algumas pesquisas apontam alguns comportamentos comuns aos afetados, como o uso prolongado de sapatos de salto alto ou apertados. Esses tipos de calçados diminuem a circulação do sangue nos pés, principalmente nos dedos.

Outro fator observado é o excesso de atividades físicas de alto impacto, como as corridas, saltos e vários outros esportes com ou sem bola, que causam traumatismos no ante-pé.

Tratamento

Além de medicação adequada, é necessário avaliações ortopédicas e exames de ressonância magnética para auxiliar no diagnóstico. “Os corticóides associados aos anestésicos locais dão resultados mais duradouros, quando aplicados, via dorsal, nos espaços específicos, sobre as articulações metacarpo - falangeananas. A infiltração local é repetida duas a cinco vezes, agindo sobre a possível inflamação do nervo local”, detalha Vicente.

A mudança de hábitos também é importante nesta fase. “A utilização de calçados apropriados é fundamental para que o tratamento seja eficaz e permanente. O uso de infiltração de corticosteróides e anestésicos pode ser necessário, o que varia de acordo com o caso”, conclui o ortopedista.

No final de um ano de tratamento se não houver remissão dos sintomas pode-se indicar a ressecção cirúrgica do Neuroma.

Neuroma de Morton

O tumor leva esse nome porque foi descrito por Thomas Morton em 1876. Mas também é conhecido como “Metatarsalgia de Morton”, “Neuralgia de Morton”, “Neuroma plantar” ou ainda “Neuroma interdigital”.

Outras informações:
Lead Comunicação – Assessoria de imprensa Santa Genoveva Complexo Hospitalar
Jornalistas: Janaína Depiné – Rosiane Magalhães – Flávia Reis – Gabrielle Andrade
31 3586-3793 (Belo Horizonte)- 34 3229 4619 (Uberlândia)
e-mail: lead@leadcomunicacao.com.br / www.leadcomunicacao.com.br

Clique aqui para ler este artigo na Vida, Saúde e Beleza