Sistemas agroflorestais e agrossilvicultura Rio Branco, Acre

A agrossilvicultura é um sistema no qual árvores são consorciadas com culturas agrícolas e/ou animais, constituindo um sistema racional de uso da terra, imitando-se ecossistemas naturais. Seus objetivos são: produção de alimento e de produtos florestais, produção de matéria orgânica, melhoria da paisagem...etc. Veja mais no artigo abaixo.

F . Moura Felix - Me
(68) 3227-7182
r Rio de Janeiro, 1564, Floresta
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Cometa Restaurante Ltda
(68) 3224-2115
r Quintino Bocaiúva, 223, Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
E. C. Vieira - Me
(68) 3223-3857
r Hugo Carneiro, 227, Bosque
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Elcimar F. Ferreira
(68) 3223-3857
etr Usina, 1321, Aviário
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
D Lago
(68) 3026-2495
r Rubens Carneiro, s/n, Sn, Abrahão Alab
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
F. Junior Vieira de Oliveira
(68) 3026-1046
r Deodoro,Mal, 159, Sl 244, Centro
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
I. J. Schaefer -me
(68) 3228-4088
av Getúlio Vargas, 3242, Vl Ivonete
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
J. Felix Ferreira
(68) 3026-1037
r Rio de Janeiro, 1854, Qd D 9 Cs 2, Base
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
D. M. S. Borges - Me
(68) 3226-6655
av Nações Unidas, 2123, Estação Experimental
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
A. Palu Junior
(68) 3224-1998
r Quintino Bocaiúva, 1452, Bsq
Rio Branco, Acre

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Sistemas agroflorestais e agrossilvicultura

A agrossilvicultura é um sistema no qual árvores são consorciadas com culturas agrícolas e/ou animais, constituindo um sistema racional de uso da terra, imitando-se ecossistemas naturais. Seus objetivos são: produção de alimento e de produtos florestais (incluindo frutos, castanhas, produtos medicinais, lenha, madeira, óleos, resinas, etc...), produção de matéria orgânica, melhoria da paisagem, conservação ambiental, formação de cercas-vivas, quebra-ventos e sombra para criação animal.

Existem diferentes tipos de sistemas agrossilviculturais. Quando se faz silvicultura com pecuária têm-se sistemas silvopastoris, e quando se mistura agricultura, silvicultura e pecuária têm-se sistemas agrossilvopastoris.

As árvores competem com as outras culturas por luz, água e nutrientes mas elas também as ajudam. As raízes das árvores alcançam profundidades não alcançadas pelas culturas agrícolas na busca de água e nutrientes, bem como existem espécies florestais que permitem o melhor aproveitamento da luz pelas culturas agrícolas devido a sua copa ser mais rala. O maior desafio da agrossilvicultura é descobrir entre quais espécies (de árvores e culturas agrícolas) as interações são benéficas e entre quais espécies as interações são maléficas. Nos trópicos a irradiação é muito intensa, e é até prejudicial a certas culturas. Nos sistemas agrossilviculturais pode ocorrer melhor aproveitamento da radiação solar, pois a vegetação encontra-se em vários extratos;

As árvores são muito boas em capturar nutrientes e quando suas folhas, galhos e frutos caem, os nutrientes são decompostos e reciclados pelo sistema. Assim, nutrientes que estavam a grandes profundidades no solo, que impossibilitavam o aproveitamento pelas culturas agrícolas cujas raízes não são tão especializadas, podem ser dessa maneira utilizados depois de reciclados.

Esses sistemas são sustentáveis, pois grande parte da biomassa se recicla, e ainda pode-se adicionar nutrientes em forma orgânica e inorgânica, caso seja necessário.

Pode-se ainda conseguir grande biodiversidade, uma vez que muitas espécies florestais podem ser utilizadas.

A agrossilvicultura ainda tem as seguintes vantagens, comparada aos sistemas convencionais de cultivo:

· Aumento da quantidade de matéria orgânica;

· Diminuição do impacto das gotas de chuva no solo devido à proteção das árvores;

· Diminuição da evapotranspiração;

· Formação de ambiente com microclima mais estável;

· Possibilidade de aumento de produção por unidade de área;

· Oportunidade de trabalho e renda mais regular;

· Menor margem de riscos devido à maior diversificação da produção.

Nota: É proibida a reprodução deste texto em qualquer veículo de comunicação sem a autorização expressa do autor. Só serão permitidas citações do texto desde que acompanhadas com a referência/crédito do autor.

Fonte: Equipe Portal Orgânico - Eng. Agrônomo Ricardo Cerveira

Clique aqui para ler este artigo na Portal Agricultura