Escolas particulares Brasília, DF

Aprenda cinco lições simples de como estimular o seu filho à proteger a natureza. "Não há mudança que não passe pela educação", cita o autor. Promova à educação ambiental.

KPMG Auditores Independentes
(61) 2104-2400
qd SBS Quadra 2, s/n, Sn Bl Q Lt 3 An 7 Sl 708, St Bancário Sul
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Adecco Top Services RH S/A
(61) 3272-2454
SCRN 706/707 Bloco E, s/n, Lj 18, Asa Norte
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Aeronet Informática e Representação Ltda
(61) 3223-7475
SRTVS, 701, Bl O An 4 Sl 413, St Rádio Tv Sul
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Dinamize
(61) 3274-1172
CLN 113 Bl C, s/n, Sn Sl 203, Asa Norte
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Accenture do Brasil Ltda
(61) 3039-8620
SHS Quadra 6, s/n, Bl E Sl 817, Asa Sul
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Mendes Júnior Trading e Engenharia S/A
(61) 3321-2244
SAS, s/n, Qd 5 Bl N Ed OAB An 11 Sl 1101, Asa Sul
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Sebrae Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas
(61) 3348-7100
SEPN-515, s/n, Bl C An 3 Lj 32, Asa Norte
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
TCBR - Tecnologia e Consultoria Brasileira S/A
(61) 3347-0088
SCRN-704/705, s/n, Sn Bl H Lj 33, Asa Norte
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
Birô de Comunicação Marketing e Eventos Ltda
(61) 3964-3363
SCS Quadra 7, s/n, Sn Bl O An 20 Sl 230, Asa Sul
Brasilia, DF

Dados Divulgados por
W. Sete Promotora de
(61) 3963 7005 - 8256 0700
Scs 02, Bl C - Ed. Goiás, sala 101 - Plano Piloto
Brasilia, DF
 
Dados Divulgados por

Escolas particulares

Editoria: Vininha F. Carvalho30/12/1899

Como contribuir para que os filhos se tornem cidadãos ecologicamente corretos

. Como fazer para que as novas gerações desenvolvam um olhar consciente sobre o mundo? A forma mais fácil das crianças adquirirem conceitos como o respeito pelo outro, a preservação meio ambiente e todos as outras características necessárias para a formação de cidadãos de bem é a educação.

De acordo com Miriam Duailibi, coordenadora Geral do Instituto Ecoar para Cidadania, a educação é o principal alicerce. "Não há mudança que não passe pela educação", acredita Miriam Duailibi e mãe de dois filhos.

"Desde pequenos, meus filhos aprenderam coisas simples, mas que podem fazer uma grande diferença para o planeta". Todo mundo sabe que não se deve desperdiçar água ou deixar a luz acesa, no entanto, se esses conceitos forem ensinados desde a infância, transformam-se em hábitos e não mais em uma obrigação.

Dicas para mostrar como as mães de hoje podem contribuir para que os filhos se tornem cidadãos conscientes no futuro:

1. Explicar às crianças que a água não começa na torneira e nem termina no ralo, mas que vem da nascente de um rio e acaba em um esgoto. Mostrar qual a importância da preservação da água. "Mostrar que é na água que vivem os peixes e outros animais ajuda as crianças a se aproximarem mais dessa causa", explica.

2. Aproveitar os finais de semana para, ao invés de levar as crianças somente ao shopping, fazer passeios ao ar livre, como em parques e sítios para que elas tenham contato com a natureza; subir e descer das árvores, brincar na grama e com animais ou outras atividades semelhantes são divertidas e facilitam ao adulto explicar a importância da natureza;

3. Ensinar que o lixo deve ser jogado no lixo e não nas ruas, além de incentivá-las a separar o material que pode ser reciclado e estimular às crianças a montar brinquedos de sucata. Jamais jogue lixo no chão na frente do seu filho. Bitucas de cigarro jogadas fora do cinzeiro também são um péssimo exemplo;

4. Falar na hora das refeições para que coloquem no prato o essencial, evitando o desperdício de comida, alertando sempre que no mundo existem muitas pessoas que não tem com o que se alimentar. Brincadeiras com a comida, explicando de onde vem as frutas, verduras e legumes por exemplo, geram maior identidade do alimento que está no prato com o meio ambiente;

5. Pedir que sempre apaguem a luz, evitando o gasto excedente de energia elétrica; esta tarefa é das mais difíceis, mas vale a pena gastar um pouco de tempo para garantir que não haja desperdício.

"São pequenos hábitos que podem ajudar na manutenção da vida no planeta", finaliza Miriam.

Autoria: Miriam Duailibi é presidente do Ecoar, uma das principais ativistas ambientais brasileiras da atualidade. Autora de diversos livros, artigos e textos sobre o tema é reconhecida internacionalmente por seus inovadores projetos socioambientais.

Ecoar:

Organização sem fins lucrativos da qual faz parte o Instituto Ecoar para Cidadania, o Centro Ecoar de Educação para Sociedades Sustentáveis e o a Associação Ecoar Florestal, responsável pela produção anual de 2 milhões de mudas para a reposição de florestas no Brasil.

Fonte: Trama Web

Clique aqui para ler este artigo na Animalivre